Mudança de prioridade

18:39 Renan Castro 2 Comentários

Hoje em dia, quando sai algum jogo novo ou uma nova sequência de uma franquia pra qualquer console a primeira pergunta que ouvimos da maioria dos gamers é: O gráfico, como ta?

Ai você pode perguntar, tá mas e daí? 
Esse é um outro problema, hoje em dia as pessoas já se acostumaram com esse pensamento modernista que coloca atributo um técnico acima de nível de diversão, é claro que temos jogos lindos graficamente bem como divertidos demais, poderia citar mil exemplos, porém a quantidade massiva de jogos que são superestimados pelo fato de possuírem gráficos quase perfeitos é gigante e é diretamente proporcional a quantidade de jogos que são subestimados por não terem gráficos dignos do que o console pode oferecer.
Atualmente o poder tecnológico nos proporciona até "viver" um jogo (kinect, wii),de maneira alguma podemos ignorar essa evolução, e diferente do que podem estar pensando, aprecio tudo isso, é legal poder desfrutar de todo esse avanço.

Mas, vamos fazer um comparativo rápido e superficial, existe hoje na nova geração, um jogo mais envolvente e divertido que Zelda do antigo nintendo 64, ou o saudoso Final Fantasy 7 ?


Final Fantasy e Zelda, jogos graficamente simples, porém fantásticos!


Se for um fã do gênero com certeza irá pensar por um bom tempo até achar algum, como gamer acredito que Fable 3 e Diablo 3 tenham se aproximado.
Poderia citar outros como Sonic the hedgehog, Need for Speed Underground 1&2, Midnigth Club 3, Duke Nukem, Medalha de Honra, Kingdom Hearts 2, Resident Evil, Winning Eleven etc..

A maioria dos games acima se tornaram lendas e referência quando o assunto é diversão, alguns lançaram sequências porém sem a mesma magia do antecessor, com destaque pra medalha de honra e Sonic, horríveis.

Com toda certeza o público mais novo não vai entender muito bem o que estou falando, e da até pra entender, mas é indescritível o prazer que tinha na época que jogava Winning Eleven e ouvia aquela narração sinistra em japonês, dando emoção até em lateral, botando roberto carlos de atacante só porque ele corria mais, isso sem falar no velho macete do "toca e passa" ou L1 + X.

Hoje em dia além de FIFA,  tenho preferido jogos que não tiveram grande repercussão mas que são ricos em conteúdo e diversão, tais como Kingdoms Of Amalur : Reckoning.
E jogo Poker também, porque poker é vida.


Um ótimo jogo! Recomento muito!


Enfim, gostaria de enfatizar que não sou especialmente contra toda essa modernização, Acho bom e faço uso dela, porém o que me incomoda é ver dois meninos de 10 anos combinando de ir um jogar na casa do outro dizendo : Nossa cara precisa ver o jogo na minha TV, o som também é demais parece real.
A impressão que dá é que a qualquer momento vai chegar um e pergunta sobre o jogo, e a resposta será: Não é sensacional, mas o gráfico é SHOW.


Crianças de hoje em dia, a percepção de um bom jogo se tornou diferente.

Com poucos recursos tecnológicos se exercitava bastante a criatividade, hoje com muitos recursos, a qualidade criativa acaba sendo deixada de lado em razão da prioridade gráfica.

Lamentável.



Siga no face : https://www.facebook.com/quemligapraissso

2 comentários: